Home » Notícias » Artigos de Opinião » Adotar um cão. O que devo saber?

Adotar um cão. O que devo saber?

Acreditamos que esteja em pulgas para trazer o seu novo amigo de 4 patas para casa. Deixamos algumas dicas a ter em conta ao adotar um cão.

Sam

Uppaliano Sam, na integração no seu novo lar.

Se é a primeira vez que está a adotar um cão ou há muito que não tinha um cão em casa, sugerimos que faça primeiro uma vistoria à sua residência para ver se é seguro a introdução de um novo amigo no seu lar. Verifique, por exemplo, se não tem fios elétricos no chão, tomadas soltas, objetos espalhados pela casa que pense poderem ser uma atração para o seu cão mastigar. Sugerimos que feche divisões da casa onde pretende que ele não tenha acesso. Pode até adquirir aquelas grades de segurança que se vendem em lojas de bricolage e instalá-las nas portas para barrar o acesso.

No quintal ou no terraço, verifique se a cerca está bem colocada, sem buracos por onde o cão possa cavar e fugir. Se a cerca tem um tamanho que não permita o seu novo patudo saltar. Veja se os portões fecham e trancam corretamente.

Etapas para introduzir um cão adotado em sua casa

Algumas dicas que podem ajudar à integração de um cão adotado, no seu novo lar

  1. Fora de casa

Quando chegar a casa, certifique-se que trela e coleira estão bem colocados, e leve o seu novo amigo a conhecer o exterior. Leve-o a dar uma volta pelo quarteirão, ou mesmo pelo bairro, deixe-o absorver todos os novos cheiros, deixe-o gastar as energias extras. Deixe-o cruzar-se com outros cães e até mesmo gatos, mas mantendo sempre uma distância de segurança. Ao aproximar-se de outros animais ou pessoas, mantenha-o junto a si, com a trela mais curta.

  1. Dentro de casa

Ao levar o seu ãomigalhaço para casa, apresente-lhe lentamente o espaço, deixe-o entrar e cheirar. No entanto, tenha já preparado um espaço para ele. De preferência, um local silencioso, nos primeiros tempos. Mostre-lhe esse local, pode até deixar-lhe alguns brinquedos, como bolas por exemplo, ou dar-lhe alguns biscoitos para ele fazer uma associação positiva. Esse espaço vai-lhe dar a oportunidade para descomprimir nos primeiros tempos, antes de perceber que o novo espaço vai ser, afinal, a sua nova casa. Dê-lhe espaço, mas vá vigiando-o.

Mostre-lhe também o local onde ele pode beber água e comer a sua ração diariamente.

Como ele vai estar stressado nos primeiros dias, restrinja o acesso a uma ou duas divisões da casa. Dando-lhe uma área segura para descomprimir, acredite que o está a ajudar a se sentir mais confortável.

  1. Descompressão

Nos primeiros dias, deixe-o descansar, não convide logo visitas para o conhecerem e verem como é fofinho. Isso pode deixá-lo mais stressado. Primeiro ele deve conhecer a casa e os novos donos.

  1. Rotina

Criar uma rotina também ajuda o seu cão a sentir-se mais confortável. Procure ter sempre o mesmo horário de alimentação, de passeio, de brincadeira, de sono. O horário da alimentação e do passeio são os mais importantes, pois ele vai aprender a hora de ir fazer as necessidades na rua.

  1. Treino

O treino vale tanto para o cão, como para o dono. Treinar o seu cão é mesmo importante, pois ele irá desenvolver o seu comportamento de forma obediente. É importante ser proactivo nesta área e não esperar que o mau comportamento se instale, para procurar ajuda de um profissional. Não deve ralhar nem gritar, se necessário informe-se com um treinador qual a melhor maneira de evitar comportamentos indesejados.

  1. Crianças e cães

Como já indicámos, nas primeiras semanas o seu cão vai estar stressado, só pelo facto de ter mudado para um local com o qual ainda não está familiarizado. Se houver uma criança em casa, certifique-se que tanto ela como o cão são supervisionados quando interagirem.

As crianças querem por norma, agarrar, abraçar e isso pode deixar o seu novo amigo ainda mais stressado, porque ainda não conhece verdadeiramente esse gesto de carinho e pode querer defender-se com as suas mãos, que é a boca. Até o melhor cão pode morder por medo e proteção.

Estas são apenas algumas dicas. Agora, aproveite os anos que tem pela frente com o seu novo amigo.

Leave a Comment